Compartilhe!

Pesquisar neste blog

02 junho, 2007

autocensura...

Qualquer censura é um absurdo.

Mas, uma das coisas mais violentas é a autocensura.
Ter que reprimir o pensamento, as críticas, as verdades pelo medo da represália.
Isso de certa forma é um assédio moral.
Você vê, se indigna e cala.
Cala para não perder o emprego.
Cala para não se queimar no mercado.
Cala para "sobreviver".
Viver sob a tortura do silêncio é castigo.
Uma conhecida denunciou uma corrupção e corre o risco de perder o cargo.
Porém, os corruptos talvez continuem trabalhando.
Isso é uma inversão de valores.
Dizer ou não dizer, eis a questão.
Omitir-se, sofrer ou abrir o bocão?
Juro que não estou entendendo o mundo em que vivemos.
A verdade é muita arriscada, e por que é tão difícil, para mim, deixá-la de lado?

Um comentário:

Fernanda de Aragão disse...

Hummm, e a inversão começa na escola. É terrível ser CDF... Beijos

Postagens populares

Total de visualizações de página