Compartilhe!

Pesquisar neste blog

23 maio, 2009

Ray Caesar: um novo olhar






Fonte aqui


Ray Caesar nasceu em Londres em 26 de outubro de 1958. O mais novo de 4 irmãos, e nasceu cachorro. De acordo com suas próprias palavras. O artista diz achar importante se identificar com algum animal, já que este pode servir como um guia de comportamento pelo resto de sua vida.

Tira muitas de suas inspirações das experiências de sua própria vida, como por exemplo, das que viu e viveu durante os 17 anos em que trabalhou na ala infantil de um hospital fotografando desde abusos infantis, pesquisas em animais até materiais forenses.

Ray Caesar pinta e desenha desde que se lembra por gente (ou cachorro), mas só resolveu mostrar suas obras aos 45 anos de idade, após sonhar com sua mãe que havia morrido a apenas alguns meses. Hoje, o artista vive apenas de suas obras.

Além dos temas extremamente polêmicos e interessantes de suas obras, há ainda mais uma característica peculiar em seus trabalhos: a técnica utilizada. Acreditem ou não, seus trabalhos são inteiramente digitais. Tudo é modelado em 3D e texturizado com fotos de texturas que o artista coleciona obsessivamente. Algumas dessas texturas tem histórias interessantes ligadas a vida do artista, como por exemplo a de uma cicatriz do pai, ou a que precisou convencer o médico a fotografar no interior de seu corpo durante uma cirurgia.

Pois é, parecem histórias inventadas, mas não são. São histórias da vida do artista que podem com facilidade ser vistas em suas obras, através da intensidade e sentimentos expressados por ele. Sua criatividade consegue mixar em uma mesma imagem o infantil e ingênuo com o sexual e macabro. Viriam o infantil e ingênuo do seu lado cachorro? Assim como o sexual e macabro de seus anos no hospital infantil? Não posso dizer, estou apenas imaginando…….tentando entender como se cria um mundo como o que Ray Caesar criou.



Veja mais trabalhos geniais de Ray Caesar

Nenhum comentário:

Postagens populares

Total de visualizações de página