Compartilhe!

Pesquisar neste blog

08 setembro, 2008

OBRAS JAPONESAS DE ROSA YASOYAMA NA CAIXA CULTURAL

A Caixa Cultural recebe em curtíssima temporada a exposição Mostra de Cultura Japonesa: Pinturas, Quimonos e Obras em Bambu, da artista plástica Rosa Kazuyo Yasoyama. A exposição compõe juntamente com as mostras O Japão de Pierre Verger e Design do Japão Hoje 100 - Um Estilo de Vida Contemporâneo as comemorações na CAIXA Cultural pelo Centenário da Imigração Japonesa no Brasil. De 9 a 21 de setembro, na galeria Vitrine. Abertura para convidados e imprensa dia 8 de setembro, das 19h às 22h.

A mostra, que é mais uma parceria entre a Embaixada do Japão e a CAIXA Cultural, traz para Brasília pinturas, quimonos e obras em bambu. São trabalhos que ilustram com sensibilidade algumas das grandes tradições culturais nipônicas. A exposição está integrada à programação das comemorações do Centenário da Imigração Japonesa no Brasil e do Ano do Intercâmbio Japão-Brasil.

Rosa Kazuyo Yasoyama apresenta uma mostra constituída de pinturas no estilo suiboku-ga (uma derivação da técnica monocromática do sumi-e com base em cores suaves), além de obras de artistas convidados como sua mãe, Masako Yasoyama (pinturas a óleo), e os designers Shogen Kuroda (peças utilizando bambu como matéria-prima) e Kihachi Tabata (quimonos).

Há dez anos, Rosa Yasoyama esteve em Brasília para realizar uma mostra em razão do nonagésimo aniversário da imigração japonesa no país.

Rosa Kazuyo Yasoyama

Yasoyama nasceu em Bastos, interior de São Paulo, mas seus pais retornaram para o Japão quando a artista ainda era criança. “Cores que eu usava inconscientemente, percebo agora, eram cores da infância remota, cores do Brasil”, recorda. Por conta dessa peculiar ligação com o nosso país, o nome Rosa foi incorporado ao sobrenome japonês, resultando assim em Rosa Kazuyo Yasoyama.

Kazuyo Yasoyama recebeu as primeiras lições de desenho e pintura ainda na infância, da mãe, a artista plástica Masako Yasoyama (1934-1996). A partir de 1991, começou a realizar exposições individuais em galerias do Soho (Nova Iorque), em diversas cidades chinesas e na Europa. Foi premiada na Exposição Ultramarina (México, 1987), indicada para membro efetivo do Salon de Paris (1988), expôs na Bamboo Festival de Hamm (Alemanha), em abril de 1993, entre outros prêmios, distinções e participação em mostras individuais e coletivas.

Estudiosa da cultura e do uso do bambu, participou, em 1993, de um encontro e seminário com o doutor em bambu, Hiroshi Muroi, para estudos no Jardim Botânico de Bambus de Fuji, Japão.

Local: Caixa Cultural – Galeria Vitrine
Abertura para convidados e imprensa: 8 de setembro de 2008, das 19h às 22h
Visitação: de 9 a 21 de setembro de 2008
Horário de visitação: diariamente, das 9h às 21h
Agendamento de visitas monitoradas: de terça-feira a sexta-feira, de 9h às 18h, pelo telefone 3206-9448.
Endereço: SBS Q. 4, Lt. 3/4 - Térreo do edifício Matriz da Caixa
Classificação etária: Livre
Entrada Gratuita

Assessoria de Imprensa
Caixa Econômica Federal
CAIXA Cultural- Brasília/ DF
(61) 3206-8030 / 9895
(61) 9202-2144 / 8101- 9902
imprensa.cultura@caixa.gov.br
www.caixa.gov.br/caixacultural

Nenhum comentário:

Postagens populares

Total de visualizações de página