Compartilhe!

Pesquisar neste blog

30 outubro, 2007

Às vésperas




A seca levanta a retina do asfalto. Não há lágrima. Nem pó. Cinzentos caminham de um lado ao outro em tropeços ligeiros. Não há tempo. Nem dor. As manchas de manhãs livres se misturam às tintas da noite que prenha cansaços infindos. Não há suor. Nem frescor. A menina de olhar volante segue arredondando esquinas. Não há certo. Nem incerto. Um pedaço de riso espatifa-se na areia que se levanta em ventania. Não há alegria. Nem rubor. As janelas recolhem as nuvens sob as cortinas. Não há sol. Há calor. Mais um dia recortado da pele. Mais um nome desmontado em fonemas. Vozes quebradiças entalam os pensamentos. Desfocada a face, a imagem congela. Quem é ela? ela... la...a...


Texto e fotografia por Solange PP, às 6 horas do dia 30 de outubro de 2007. Véspera do Dia das Bruxas.
O sol espirra ao longe... Assobiando um Salute!

Um comentário:

Rogério Silvério de Farias disse...

Como estás bonitinha! Este teu cabelinho tá muito lindinho. Ei, dirija com cuidado aí,viu? Qualquer ligo a web cam pra ti me veres, porém ando ressabiado, a mulherada lá do REcanto pede pra mim fazer streap tease, entao eu sucumbo e faço. Mas nao gosto muito pois alguém pode pegar e pôr no youtube e acabar com minha carreira kkkkkk rssss VAMOS SORRIR SOLANGE

Postagens populares

Total de visualizações de página