Compartilhe!

Pesquisar neste blog

20 julho, 2006

Plantando sementes... a fala de um ex-aluno...


Noite fria. Cansaço. Vontade de vencer.


Já passam das vinte e três horas, a noite esta gelada. Não era para menos, pelo menos nessa época. Depois de um dia cheio, trânsito, stress do serviço, enfim, naturalmente não estaria na minha melhor forma.

Entretanto, tornar-se diferente é justamente isso. É fazer diferente.

Mesmo gostando muito de aprender coisas novas, de buscar conhecimento, não é fácil buscar a vitória. E, também, não poderia ser para menos. Afinal, nem todo mundo está preparado para a verdade.

O conhecimento não é uma coisa que aprende do dia para a noite. Não é uma mercadoria que se compra em um mercado luxuoso ou botequim. Muito menos a pílula azul, que toma e cresce.

Para ser ter uma idéia de como é importante ter o conhecimento e aprender a organizar as idéias, faço-me de exemplo. Já faz mais de quinze minutos que busco algo para expressar o que penso e sinto. Mesmo com tanta demora, e cuidado para expressar apenas essas poucas linhas, posso, ainda sim, ser incompreensível. Estranho, não?

Justamente pela vontade, pela busca incansável do conhecimento e da cultura que suporto a noite gelada e o cansaço físico. Enfim, se for preciso chegar ao meu limite para que eu faça “a diferença”, pode apostar que eu vou até lá.

Rodrigo Pimentel

Nenhum comentário:

Postagens populares

Total de visualizações de página