Compartilhe!

Pesquisar neste blog

30 julho, 2006

O Desespero Humano



Título: Olhar o sol para ver o sol
Autora: Solange Pereira Pinto
Técnica: Fotografia
Data: 24.07.2006
______________________


"Ou o homem se desespera de si e busca fugir de sua angústia,
ou se desespera em si e assume essa angústia que é existir".




Soren Kierkegaard
Em "O Desespero Humano"
_________
No Orkut... comunidade de Kierkegaard:
1) "O que faz o sujeito necessitar de um Outro para além de seu olhar mais profundo?
O que o leva a ter uma religião, temer a um "Deus" senão o desespero diante de sua própria existência?
Do ponto de vista semântico seria o desespero a negação da espera?
Ou seja DES - ESPERO?
Isto é não saber lidar com a espera de ver ( no sentido de ter que concluir) o que é óbvio?
De fato, EXISTIR DÓI".
2) "O verdadeiro desespero é ter um eu".
3) "Não é à toa que o desespero é a própria possibilidade da salvação, sendo que a salvação é o estado em que você é você mesmo, embora este estado só seja possível através da "entrega" do seu ser ao "poder que o criou"".
4) "Não estaria Kierkeegaard fugindo desse nada?
Querendo em vão a eternidade do que ele enxerga como espírito e carrega no intelecto?"
5)"Desespero é isso, querer deixar de existir (não querer ter um eu), ou querer existir de outra forma (querer ser outro que não o que se é), ou ainda querer existir sem fundamento (querer ser o que se é sem a referência ao poder que o criou".
6) "Desespero é a doença do eu". A única maneira de se livrar disso é se desapegando do eu, aceitando a “perecidade” da condição humana".
7) "Sem dúvida o emaranhado neurológico humano é um grande mistério, rico e surpreendente...os valores únicos de cada um direcionam e moldam as atitudes e ideologias...contudo a certeza da nossa despedida desse plano acaba por gerar o absurdo de sentir o desconcerto do mundo".
______________
Como fazer a síntese?
Como erguer-se do paradoxo?
Se fazer por si é fazer por ti...
Ou se... ou se...
Como unir o "ou" ao outro "se"?
Soll
____________

Um comentário:

Alena disse...

Seu comentário foi muito melhor que o mote.
;)

Postagens populares

Total de visualizações de página